Breaking News
recent

Médica é agredida ao atender paciente com sintomas de Covid-19 em Barras

Uma médica da cidade de Barras foi agredida pelo acompanhante de um idoso, durante seu plantão, ao diagnosticar o paciente com sintomas de Covid-19 na noite desse sábado (9).

Conforme a nota de esclarecimento emitida pelo Hospital Regional Leônidas Melo, o acompanhante não aceitou o diagnóstico apresentado pela médica plantonista Nereida Karla e solicitou a transferência do idoso, que chegou a unidade de saúde trazido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) com bastante falta de ar.

No momento em que a médica foi tirar a cópia do prontuário para liberar a saída do paciente, foi agredida com socos pelo acompanhante, que tomou o documento das mãos da profissional e ainda começou a insultá-la com palavras de baixo calão.

Diante da gravidade da situação, a Polícia Militar foi acionada para conter o agressor, que foi encaminhado para a delegacia de Barras, onde foi registrado o Boletim de Ocorrência.

Ainda segundo a nota, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) juntamente com o Hospital Regional Leônidas Melo prestam "toda solidariedade à médica Nereida Karla, neste momento em que os profissionais da saúde estão na linha de frente do combate a esta pandemia com muita coragem e determinação”.

Confira a nota na íntegra:

Nota de Esclarecimento

O Hospital Regional Leônidas Melo, em Barras, lamenta informar que a médica plantonista Nereida karla, foi agredida durante seu plantão, na noite deste sábado (09), por um acompanhante de um paciente idoso, que deu entrada na unidade de saúde, com sintomas da Covid-19.

O acompanhante não aceitou o diagnóstico apresentado pela médica e solicitou a transferência do paciente, que chegou a unidade de saúde, trazido pelo SAMU, com dispneia (falta de ar). Quando a médica foi tirar a cópia do prontuário, para liberar a saída do paciente, o mesmo a agrediu com socos, tomou o documento das mãos da profissional e começou a insultá-la com palavras de baixo calão. A Polícia Militar foi acionada e encaminhou o agressor para a delegacia de Barras, onde foi registrado o boletim de ocorrência.

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) e o Hospital Regional Leônidas Melo prestam toda solidariedade à médica Nereida Karla, neste momento em que os profissionais da saúde estão na linha de frente do combate a esta pandemia, com muita coragem e determinação.

Fonte: GP1

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.