Breaking News
recent

Secretaria estadual de saúde investiga morte de criança com suspeita de coronavírus no Piauí

Uma criança de sete anos morreu no início da noite dessa sexta-feira (20) na cidade de Bom Jesus, cidade que fica a cerca de 600 km ao Sul de Teresina, com suspeita de Covid-19, a doença causada pelo novo coronavírus. O diretor do hospital regional da cidade, Helder Meneses, e a Secretaria de Estado da Saúde informaram que o caso está sendo investigado e que foi coletado material para exames para a doença. O caso ainda não está na relação de suspeitos do Ministério da Saúde.

O diretor do Hospital Regional Manoel de Sousa, Helder Meneses, informou ao G1 que a criança foi transferida de outro hospital já em estado grave no início da noite. Ele não soube precisar o município de origem.

"Quando ela chegou, já estava grave, com intensa falta de ar, foi feito raio-x e tomografia de tórax e os exames mostram suspeita de pneumonia bacteriana e não viral, mas os sintomas são muito parecidos com os causados pelo coronavírus. Então ela foi isolada e foi feita coleta de material para a Covid-19 que foi enviado ao Laboratório Central, onde são feitos os exames, em Teresina", explicou.

Helder Meneses disse ainda que a criança sequer chegou a ser entubada, porque morreu logo depois que chegou ao hospital.

 Hospital de Bom Jesus — Foto: Neyara Pinheiro

Hospital de Bom Jesus — Foto: Neyara Pinheiro

A criança não havia saído do Piauí, mas o pai havia chegado recentemente do estado de São Paulo, onde há cerca de 400 casos confirmados de coronavírus. O pai, contudo, não apresenta sintomas da doença, que pode ser assintomática em algumas pessoas.

Em Bom Jesus, não há casos confirmados de Covid-19. Em todo o Piauí, há quatro casos confirmados, segundo a Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi), todos em Teresina.

Isolamento social e decretos de calamidade

Para evitar a contaminação pelo vírus, o isolamento social e medidas emergenciais foram determinadas por meio de decretos do governo do estado e das prefeituras, como na capital piauiense, para que a população fique em casa e evite ao máximo ir às ruas.

Policiais fazem abordagens nas fronteiras do estado a ônibus e veículos particulares. Escolas, universidades e a maior parte do comércio, assim como serviços públicos, suspenderam as atividades. Os decretos preveem que quem descumprir as regras pode ser penalizado com multa ou até prisão.

Fonte: G1 PI

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.