Breaking News
recent

Esqueça o meme da caneta azul: no Enem 2019, só vale a caneta preta


A menos de uma semana do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019, a música "Caneta Azul", criada pelo vigilante Manoel Gomes, já ultrapassou a marca de 7 milhões de visualizações no Youtube. Mas quem fará a prova no próximo domingo deve esquecer o refrão: o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) permite apenas o uso de canetas pretas, com tubo transparente.
Os versos da música - bem peculiares, digamos assim - viraram meme e foram divulgados por cantores famosos, como Wesley Safadão e Alok:
"Caneta azul, azul caneta
Caneta azul tá marcada com minhas letra
Todo dia eu viajo pra o colégio
Com uma caneta azul e uma caneta amarela
Eu perdi minha caneta e eu peço, por favor
Quem encontrou, me entrega ela."
O Inep entrou na brincadeira e compartilhou, no Instagram, uma paródia da música:
O candidato que levar uma caneta azul para a o Enem deverá guardá-la no envelope lacrado. Para resolver as questões e preencher o gabarito, seu uso está vetado. Abaixo, veja o que é permitido e o que é proibido levar para o local de prova, segundo o edital.
                                   A NOTICIA CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CURTA NOSSA PAGINA NO FACEBOOK
O que pode levar para a prova do Enem 2019?
Há dois itens OBRIGATÓRIOS para que o candidato possa fazer a prova, e uma lista de objetos que são permitidos, dependendo de uma série de situações:
OBRIGATÓRIO: A caneta deve ser esferográfica, de tinta preta, fabricada em material transparente.
OBRIGATÓRIO: O acesso à sala de provas só será permitido mediante a apresentação de um documento de identificação original e com foto, como: identidade, carteira de registro nacional migratório, carteira de trabalho, certificado de reservista, passaporte e carteira de motorista (CNH).
Caso o documento tenha sido roubado ou furtado antes do exame, o candidato deverá apresentar o boletim de ocorrência expedido por um órgão policial há, no máximo, 90 dias. Também deverá passar por uma coleta de dados biométricos e assinar um formulário especial.
Candidatos que apresentem documentos permitidos e originais, mas danificados ou com foto infantil, poderão fazer a prova, desde que se submetam a uma identificação especial.
Participantes que solicitaram atendimento especializado para cegueira, surdocegueira, baixa visão e visão monocular podem utilizar os seguintes materiais: máquina Perkins, reglete, punção, sorobã ou cubaritmo, caneta de ponta grossa, tiposcópio, assinador, óculos especiais, lupa, telelupa, luminária e tábuas de apoio. Também podem ser acompanhados por cão guia. Todos esses recursos serão vistoriados pelo aplicador do exame.
Artigos religiosos, como quipá, são permitidos, mas devem ser verificados por um funcionário.
O cartão de confirmação de inscrição, embora não seja obrigatório, traz dados importantes, como o endereço de aplicação da prova.



Fonte> G1

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.