Breaking News
recent

Prefeitura de Boqueirão realiza Conferência para elaboração do Plano Municipal de Saneamento Básico


Aconteceu na última sexta-feira (01) a Conferência Inicial para a elaboração do Plano Municipal de Saneamento Básico do município de Boqueirão do Piauí.
Durante a conferência foi discutido, votado e aprovado o Plano Municipal de Saneamento Básico do município e em seguida apresentado os comitês de coordenação que constituem os grupos de trabalho formados por membros da administração municipal e sociedade civil, escolha dos delegados e apresentação do cronograma de atividades, setorização do município e mobilização social.
A conferência contou com a participação do vice-prefeito Raimundo Filho, vereadores do município, representantes comunitários, comerciantes, estudantes, professores e moradores da zona rural e urbana do município.
O prefeito Solteiro Alves esteve presente na conferência e destacou a importância da participação popular para efetivação do plano; “é de extrema importância a participação da população na elaboração do nosso plano Municipal de Saneamento Básico que será mais uma grande conquista que vai beneficiar a nossa população, tanto na cidade como também na zona rural.” Comentou o prefeito.
O engenheiro técnico da FUNASA Afonso Silva explanou detalhadamente todas as partes do Plano de Saneamento Básico para os presentes na conferência.  
O plano será elaborado por técnicos da FUNASA e da FACEID em parceria com a Fundação Escola e Sociologia de Políticas de São Paulo (FESPSP) que deverão percorrer todo o município, abordando as necessidades estruturais de saneamento na zona urbana e também na zona rural do município, visando à elaboração de ações para melhorar o abastecimento de água, esgotamento sanitário, drenagem e limpeza, manejo de águas pluviais e destinação adequada de resíduos sólidos.
O Plano Municipal de Saneamento Básico é composto por um  conjunto de serviços relativo ao processo de abastecimento de água, esgotamento sanitário, manejo de resíduos sólidos, drenagem e manejo das águas pluviais urbanas.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.