Breaking News
recent

Médicos do hospital de Barras estão sem receber salários, diz conselho

O Conselho Regional de Medicina do Piauí (CRM-PI) constatou várias irregularidades no Hospital Regional Leônidas Melo, no município de Barras, durante fiscalização. Dentre elas, foi constatado atraso no pagamento de médicos prestadores de serviço desde outubro do ano passado.
  • Foto: AscomCRM-PI realizou vistoria no local.CRM-PI realizou vistoria no local.
No momento da fiscalização somente havia um médico plantonista e um enfermeiro efetivo, com sobrecarga de atividade. Outra irregularidade, segundo o Conselho, é a falta de alimentação para as equipes que trabalham, sendo fornecidas refeições somente para pacientes e acompanhantes.
O conselheiro e secretário geral do CRM-PI, João Araújo Moura Fé, que comandou a vistoria, disse que soube, através dos depoimentos dos profissionais de saúde, que eles alimentam-se durante os plantões com dinheiro próprio. Segundo a gerência do hospital, houve corte de verbas.
Por outro lado, a lavanderia, o almoxarifado e a farmácia estão funcionando a contento e o hospital conta com boa estrutura física. O Dr. Moura Fé afirmou que, após conclusão do relatório de vistoria do CRM-PI, será encaminhada cópia do mesmo aos diretores do hospital regional e para o secretário de Saúde do Estado, Florentino Neto, para conhecimento e para que providências sejam adotadas em relação às não conformidades apresentadas.
Outro lado
A assessoria de imprensa da Secretaria de Saúde do Piauí (Sesapi) disse ao Viagora que ainda não houve a notificação sobre os pontos avaliados pelo CRM-PI, mas que, assim que isso ocorrer, haverá pronunciamento da pasta.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.